Carrinho de compras
Seu carrinho está vazio

Atendimento

0

FRETE GRÁTIS

Acima de R$299

PIX

Ganhe 5% de desconto

ENTREGA LOCAL

Receba hoje

PAGUE COM CARTÃO

Em ate 6x s/ juros

SITE SEGURO

Compre com segurança

29/07/2022

GUCCI MANE PEDE AOS RAPPERS QUE 'PAREM DE FALAR MAL DOS MORTOS' EM NOVA MÚSICA

Gucci Mane está pedindo que seus colegas do rap parem de falar mal dos mortos enquanto admitem arrependimento por seu papel na popularização da tendência.

Em sua nova música apropriadamente intitulada “Dissin the Dead”, o chefe do 1017 continua sua evolução como um estadista ancião do Hip Hop, arrependendo-se de suas antigas maneiras de desrespeitar seus inimigos enterrados, instando outros rappers a seguir sua liderança.

“Eu sei que minha língua é uma espada, eu sei que deveria ser mais cuidadoso com as merdas que eu disse / Eu sinto que comecei uma tendência que nunca vai parar, eles vão continuar xingando os mortos / Nada dessa merda sem fingimento, essa merda é real, um n-gga leva um tiro na cabeça / Young n-gga malvado com pílulas e exercícios, precisamos parar de insultar os mortos”, ele rima no refrão.

A música é acompanhada por um vídeo dirigido por Omar, o Diretor, mostrando Guwop postado em um cemitério enquanto usava moletons que diziam “RIP Trouble” e “Long Live Dolph” em homenagem aos rappers sulistas mortos. “Dissin the Dead” chegou na quarta-feira (27 de julho), coincidindo com o que seria o aniversário de 37 anos de Young Dolph .

https://www.youtube.com/watch?time_continue=9&v=zpxecHNkGaM&feature=emb_logo

Gucci Mane , é claro, foi culpado de insultar os mortos no passado, principalmente em sua longa rivalidade com Jeezy . Durante o confronto de Verzuz em 2020 , Guwop cantou descaradamente “The Truth”, uma música diss destinada ao amigo e associado de Jeezy, Pookie Loc, que ele supostamente matou em legítima defesa em 2005.

Gucci derramou sal na ferida, continuando a desrespeitar Pookie depois que a música terminou. "Droga! Coloque a bunda desse n-gga na terra,” ele disse enquanto provocava Jeezy. “Fumando no Pookie Loc esta noite.”

 

La Flare mencionou Pookie Loc novamente em sua colaboração em “Rumors” com Lil Durk em janeiro, rimando: “A promotora abandonou meu assassinato, não tinha evidências para provar / acho que minha casa é assombrada, sim, por quem? O fantasma de Pookie.

Gucci faz alusão a Pookie em “Dissin the Dead”, só que desta vez de uma maneira muito diferente: “Eu sou o único que colocou o nome do seu menino em uma pedra / eu disse mal dos mortos e sabia que estava errado”.

 

Falar sobre os mortos infelizmente se tornou mais prevalente no Hip Hop nos últimos anos. Lil Durk insultou seu falecido rival de Chicago, FBG Duck, na música vazada “High As Duck” em dezembro de 2020, enquanto NBA YoungBoy fez referência ao assassinato de King Von em “Bring the Hook” no início deste ano.

Mais recentemente, Soulja Boy apareceu para zombar da morte de Trouble em um discurso no Instagram Live após seu assassinato em 5 de junho em Atlanta. A dupla anteriormente trocou palavras online depois que Trouble discordou de Soulja lançar sua música “Stretch Some” logo após o assassinato de Young Dolph .

Gucci Mane não é o único rapper mudando suas listras, no entanto. No ano passado, Lil Durk prometeu parar de “dar nomes aos mortos” após o lançamento de The Voice (Deluxe) , enquanto Julio Foolio, nativo da Flórida, seguiu o exemplo meses depois, chamando a prática de “infantil”.